terça-feira, 6 de março de 2018

Semanas a correr

É raríssimo o dia de semana em que chego a casa antes das 20h30/21h00. Posso até passar por casa depois do trabalho - tenho o privilégio (que não devia ser considerado privilégio mas tenho noção que é) de sair às 17h e em menos de 1 hora conseguir estar em casa - mas chegar para já só voltar a sair no dia seguinte só mesmo perto das 21h (quando não mais tarde). Isto de conciliar 5 idas ao ginásio por semana com um dia de consultas na psicóloga e um dia de Refood resultam normalmente em semanas tão animadas quanto isto:



Segunda: Chego a casa às 18h. Saio às 19h para o gym. Estou de volta entre as 21h e as 22h.
Terça: Psicóloga às 18h. Chego a casa por volta das 20h30. Quando o fim-de-semana vai ser fora de Lisboa, ainda vou ao ginásio e regresso a horas pornográficas (só deus sabe o quanto me custa sair de casa - para ir ao ginásio!! - a tal hora para estar de regresso depois das 22h).
Quarta:  Chego a casa às 18h. Saio às 19h para o gym. Tenho a aula mais espetacular da semana - Zumba, ieii! Estou de volta entre as 21h e as 22h.
Quinta: Vou ao ginásio ao pé do trabalho - às 17h30 - para perder menos tempo e estar no Refood às 19h30. Chego a casa por volta das 21h30.
Sexta: Quando me sinto especialmente cansada e sem energia deixo o ginásio para o dia seguinte. Quando isso não acontece...lá estou eu de volta a casa perto das 21h.
E tudo isto até poderia ser motivo de queixa, se não me soubesse tão bem. Sim, há dias em que faço um esforço desgraçado para ir ao ginásio e que tudo o que me apetecia era deitar-me no sofá a ver séries. Mas, verdade seja dita, eu não sei viver de outra forma que não assim.

3 comentários:

  1. Meu Deus, é tipo os meus dias, só que ainda não vou tantos dias ao ginásio..

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Eu tentei conciliar ginásio (aqui há uns tempos) com o meu trabalho mas era impossível. Saía do trabalho às 19h30 e ir para o ginásio depois disso, chegar a casa perto das 21h e ter uma filha e um marido à espera era dose. Tive de fazer escolhas. Troquei o ginásio por uma nutricionista e acho que até me dei bem com isso. Comecei pela base, digamos assim. O exercício faço-o em modo caseiro, caminhadas, quando dá para isso.

    ResponderEliminar
  3. Somos duas, adoro esses dias corridos, sinto-me uma pessoa activa e produtiva =P

    ResponderEliminar