sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

Cenário para o fim-de-semana


Mimos da família, sol, mar (com direito a mergulho, assim espero),comida boa e muita passeata. Na minha Madeira.

terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Era um par de estalos aqui para a mesa 2, sff!


Ele não perde uma oportunidade de me gozar quando o Benfica perde. Já eu nunca (mas mesmo nunca) consigo gozar dele quando o Sporting passa pelo mesmo. 
Vê-lo fulo-da-vida-porque-foram-roubados (versão de hoje) ou cabisbaixo porque perderam mesmo que tenha sido merecido são ambos cenários que me partem o coração. Aliás, não só não gozo dele como (desde que não esteja a jogar com o Benfica, obviamente) ainda fico a desejar que o Sporting ganhe, só para vê-lo feliz. 
Sou tão respondona e abespinhada para umas coisas, e tão banana para outras. Pfff...

domingo, 19 de Outubro de 2014

Do fim-de-semana

Houve pequeno-almoço delicioso no Choupana Caffe com direito ao melhor croissant de chocolate do mundo e arredores. 

Foto roubada daqui.

Houve corrida à beira-rio com esta vista, em que finalmente consegui passar dos 11 km (não, não corro sempre estas distâncias. a prova disso é que o último recorde já tinha mais de dois meses). 


Houve o musical Cats na noite de ontem, que já tinha visto há coisa de 20 anos em Londres com os meus pais, e cujo CD comprámos na altura e passou durante anoooos no carro da minha mãe. As músicas são lindas, as performances idem, mas a história em si é fraquita (sei que não é suposto ser o mais importante num musical, mas para mim também importa, e o Cats, nesse aspecto, acaba por resumir-se a pouco mais que uma apresentação de todos os gatos que fazem parte da história). Mas valeu muito a pena e eu só queria é que viessem todos os bons musicais a Portugal (para além de serem mais baratos aqui, ainda tem a vantagem de ter legendas no ecrã ao lado, o que ajuda muito. é que uma coisa é perceber inglês falado, outra é perceber inglês cantado, não tem nada a ver).


E houve visita ao Volver by Chakall para mais um maravilhoso menu de Restaurant Week. Eu queria aproveitar este evento para conhecer outros restaurantes, a sério que sim, mas a comida lá é sempre tão boa e os empregados tão (mas tão!) simpáticos que fica muito difícil variar. As sobremesas lá são de revirar os olhos de tão boas, mas desta vez a nota máxima foi para o prato principal: o polvo delicioso!

Polvo em 3 texturas com migas de feijão-frade e broa de batata-doce

 ‘Cheesecake’ de iogurte com compota de maracujá e lavanda

sábado, 18 de Outubro de 2014

Olha o recorde fresquinho #2


Mais 1,3km que o último recorde. Oh yeah!

quarta-feira, 15 de Outubro de 2014

O top dos chás

Sempre tive um estilo de vida relativamente saudável (exagero nos doces e nos hidratos, mas prefiro compensar noutras coisas do que abdicar de uns dos grandes prazeres da minha vida) mas sempre falhei numa coisa: sou terrível para beber água. Deteeeesto beber água sem ter sede, só porque sim, custa-me horrores! Mas no início deste ano decidi que tinha que tornear a questão e começar a tomar chá. É água, mas sempre tem um saborzito. E entretanto dei por mim a ficar viciada em chá. Tomo um em casa antes de ir trabalhar, e dois no trabalho, um de manhã e outro à tarde (tenho para aí 5 caixas diferentes abertas ao mesmo tempo no trabalho. gosto de variar, que é que se há-de fazer?).
E entretanto tenho estado atenta a novos sabores e já tenho provado alguns bem bons. O primeiro que me apaixonou foi este:


Mas, esta semana sodôna cunhada deu-me a conhecer este, e posso vos dizer que é tão bom ou melhor que o de cupcake. Tem um cheirinho delicioso a biscoito de limão e sabe mesmo mesmo bem (e nem este nem o outro levam açúcar).


Assim sempre se torna bem mais fácil beber água!

terça-feira, 14 de Outubro de 2014

Felicidade é


Descobrir que está aí à porta mais uma edição da Restaurant Week e fazer logo duas reservas (uma para o Volver by Chakall, que não nos escapa há já três edições, e que mais uma vez tem um menu de deixar qualquer um a salivar, e o Assinatura, que ainda não conhecemos, mas que também tem um menu de babar). E ficar, literalmente, aos pulinhos de alegria. 
Sou tão lambona, senhores!

segunda-feira, 13 de Outubro de 2014

Entrevista

Quem quiser saber mais um pouco sobre mim é só clicar aqui e ler a entrevista que a querida R* me fez no seu blogue "E se tudo fosse perfeito".

domingo, 12 de Outubro de 2014

Dez anos de um amor cada vez maior




Fotos tiradas ao longo dos últimos dez anos, em Lisboa

Esta semana faz dez anos que me mudei para Lisboa, para começar o curso de Direito. Vim para cá porque não havia o curso que achava que queria na Madeira e então nem pensei duas vezes. Tinha que ser, tinha que ser! Mas vim tão infeliz! Deixar o namorado da altura e toda a família foi das coisas mais difíceis que já tive que fazer na vida.
 Saí com a certeza que, no dia em que acabasse o curso, voltaria para a Madeira sem pestanejar. 
Já acabei o curso em 2009 e cá continuo, cada vez mais apaixonada por esta cidade, e sem ideias de nenhumas de voltar...

sábado, 11 de Outubro de 2014

quinta-feira, 9 de Outubro de 2014

Querido Pai Natal



Se quiseres começar já a inspirar-te no que à minha pessoa respeita, estás à vontade.

segunda-feira, 6 de Outubro de 2014

There's no place like London

Quem me acompanha há mais tempo sabe que, desde que passei uma temporada a viver em terras de sua Majestade que sou completamente apaixonada por Londres. Sou uma pessoa tão feliz lá!
Desta vez fui com uma das Marias que me acompanhou por lá em 2011 e uma amiga nossa, que ainda não conhecia a cidade. O roteiro que escolhemos para os três dias foi um best of daquilo que nos marcou mais enquanto lá vivíamos (e não necessariamente do mais turístico), e lá fomos matar saudades. 
Confesso que eu - a mulher que não larga a câmara em viagem nem por um segundo - me desleixei nas fotos. Não só porque o entusiasmo de estar a rever tudo era muito, mas também porque a verdade é que já tenho no mínimo 100 fotos de todos os sítios que visitámos este fim-de-semana (excepção feita ao Madame Tussauds, que só tinha visitado em criança).


Dá cá beijinho!

Pequeno-almoço maravilhoso num dos restaurantes da cadeia onde trabalhei (Le Pain Quotidien).


Não tivemos tempo de ir ver os verdadeiros, mas este é bem mais fofinho (no Harrods)!


A caminho do Portobello Market (na zona de Notting Hill).

Eu e a minha paixão pela London Eye. Esta deve ser a 1627ª foto que lhe tirei.

A caminho do mercado de Camden Town, o maior e o mais alternativo de todos. Tem barracas para todos os gostos.

Ainda ontem voltámos e eu já estou com saudades...

sábado, 4 de Outubro de 2014

Da saudade

Hoje estávamos a jantar em Covent Garden quando começou  a tocar uma música  que tocava a toda a hora na época  em que vivia cá (Paradise, dos Coldplay). A sensação de estar a reviver aqueles tempos tão felizes da minha vida foi tão, mas tão intensa, que até me doeu o peito por já  ser uma coisa de um passado cada vez mais distante. 
Pode não ser a cidade mais bonita onde já estive, mas é sem dúvida a mais especial. Tão especial!

quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

A mala já está pronta


Os próximos três dias vão ser passados num lugar onde vivi uma das fases mais felizes da minha vida. Oh yeah!

terça-feira, 30 de Setembro de 2014

Dos e-mails que me fazem acelerar o batimento cardíaco


Aqueles que dizem algo do género "A sua encomenda já foi enviada. Deverá recebê-la nos próximos dias", quando a dita encomenda se traduz em trapos novos.


Sou pouca gaja, eu...

segunda-feira, 29 de Setembro de 2014

Maré de incompetência (ou um desabafo em modo testamento)

Este ano, para não variar, marquei a passagem para ir a casa no Natal/passagem de ano com 11 meses de antecedência. Marquei o regresso para dia 1 de janeiro às 20h, na TAP. Ora, a TAP de há uns tempos para cá acha piada em fazer uma brincadeira aos clientes, que consiste em mudar o horário do voo conforme lhes apetece. Em Agosto recebi mail a dizer que tinha sido alterado para as 21h. Tudo bem, engoli. Afinal de contas era só uma hora. Pois que há dois dias recebi outro mail a dizer que o meu voo afinal ia ser...às 10h15 da manhã. Ora, se eu quando escolhi o voo tinha a opção de viajar às 10h da manhã, se eu marquei às 20h se calhar queria dizer que...queria viajar às 20h (pessoa complicada, eu, hein?)! Já tratei de fazer reclamação, e já me conseguiram arranjar voo para as 17h (como se me tivessem feito um favor), na falta de melhor. Mas o stress que me puseram em cima já ninguém mo tira.



Na semana passada deixei um macacão na costureira. A senhora mandou-me ir buscá-lo 5a feira. 5a feira lá estava eu e nada da costureira aparecer no balcão. Vi o meu macacão em cima da mesa de trabalho, por arranjar (!), e nada da mulher aparecer, pelo que tive que ir embora. Voltei lá hoje, voltei a esperar pela senhora, para ela me dizer que o meu macacão não estava arranjado porque estragou-se uma peça da máquina. Ora, por acaso eu até moro perto da costureira - acaso que a senhora desconhece, já agora - mas tenho mais que faça do que passar lá a vida. Pelo que amanhã toca a ir lá pela terceira vez...

E esta onde de incompetência é coisa para me tirar do sério. Aliás, tudo o que se traduza em falta de respeito e consideração pelos outros é coisa para me tirar do sério. Porque eu não sou assim, nunca fui assim, e recuso-me a aceitar que sejam assim comigo. De que é que isso me vale, perguntam vocês? De nada, é um facto. Ou melhor, vale-me os anos de vida que eu perco com estas porras.
Agora vou ali ao Pingo Doce e, se o ditado que diz que não há duas sem três estiver certo, temo seriamente o que é que vou trazer para casa. Uma intoxicação alimentar, quem sabe? Era tudo o que eu estava a precisar a três dias de ir viajar com as minhas amigas...