sexta-feira, 15 de julho de 2016

Férias


Este ano tem sido um turbilhão de emoções. Nunca achei que fosse ser fácil, face à mudança que se avizinhava, mas a verdade é que conseguiu ser ainda mais difícil do que esperava por motivos muito meus que não consigo partilhar aqui (e peço desculpa por isso).
A mudança concretizou-se, de uma forma até mais serena e pacífica do que eu esperava, e lá tenho vivido a minha vida, esforçando-me por tirar proveito da parte boa e dar menos importância à menos boa. E achei que estava a conseguir fazê-lo bastante bem, até ter sido posta à prova e ter falhado redondamente no teste. 
Sou uma privilegiada a quem a vida tem dado tudo o que alguém pode precisar para ser feliz mas, e apesar de valorizar o muito de bom que tenho na minha vida (que é mesmo muito e é muito bom), neste momento não estou bem. A verdade é essa. Não estou. 
Num momento temos a nossa vida definida e achamos que está tudo bem e noutro, quando menos esperamos, a vida troca-nos as voltas e surgem as incertezas e as dúvidas.
As minhas férias "grandes" (entre aspas porque são apenas duas semanas, mas é o que se arranja) começam amanhã, e eu preciso desesperadamente de aproveitá-las. Preciso de paz, nem que seja por duas semanas. Depois? Logo se vê.

12 comentários:

  1. Olá! Daqui é, outra vez, a colega de trabalho anónima :)! Venho só desejar umas boas férias e que te lavem a alma, para quando voltares as coisas pareçam muito mais coloridas :)!
    Eu nunca fiz uma mudança radical, como a que tu fizeste, não posso dizer que percebo, posso só imaginar que não seja nada fácil.
    Desejo-me muita força e envio muitos pensamentos positivos :)!
    Beijinhos
    Colega anónima V.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. És mesmo uma querida =)! Obrigada! (ainda mal começaram as férias, mas já me estão a saber pela vida =)). Beijinho

      Eliminar
  2. Não faço ideia do que se passa, mas mando-te daqui um grande beijinho e muita força. O que quer que seja, vai resolver-se (;

    ResponderEliminar
  3. Então aproveita-as. Tenta mesmo meter de lado por uns dias que sejam aquilo que te aflige.
    Força e divirtam-se.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Cláudia, sempre uma querida =)! Beijinho!

      Eliminar
  4. eu também estou numa péssima fase, por razões diferentes das tuas com certeza, mas já ando numa espiral descendente há cerca de um ano e parece que não consigo sair disto :( resta-nos acreditar que depois da turbulência vem a calma e aos poucos as coisas hão de se resolver, força!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamento mesmo muito =(! Se alguma vez sentires necessidade de desabafar com uma "desconhecida" tens o meu email ali no cantinho direito do blogue, sim? Beijo grande e espero do fundo do coração que as coisas melhorem para ti também.

      Eliminar
  5. Gelatina, ponto 1: sabes onde encontrar-me para o que precisares! Mesmo, estou a a falar a sério! Ponto 2: Aproveita para desligares, esvaziares a cabeça e voltar com força! beijinho e boas férias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. És mesmo uma querida, mil obrigadas! Para te "despejar" as minhocas que tenho na cabeça não digo (porque isto passa com o tempo), mas para um cafezinho e te dar um beijinho pessoalmente não digo que não a um encontro =)! Beijo grande e obrigada

      Eliminar