quarta-feira, 29 de março de 2017

Férias


Não me lembro de alguma vez ter preenchido o documento da marcação das férias no trabalho com tão pouco entusiasmo como este ano. Não me lembro também da última vez que o fiz sem ter nenhuma viagem em mente para o ano (as idas à Madeira não contam).
Já disse que estou farta de sentir que tenho a minha vida em suspenso, não já? E que preciso de paz e estabilidade na minha vida, também já disse, não disse?
Enquanto isso não acontece, estou aqui, estou a pensar aventurar-me pela primeira vez na vida numa viagem sozinha. Quem já foi viver para o estrangeiro para a casa de estranhos também há-de conseguir passar uma semana sozinha algures por esse mundo fora, certo? Parece-me bem que sim. Só está mesmo a faltar a coragem para pôr isso em prática.

23 comentários:

  1. Sei o que isso é... É difícil lidarmos com tanta indefinição, mas, ao mesmo tempo, isso dá-te a liberdade de fazeres o que te apetecer entretanto. Marca o que quiseres, para quando quiseres.

    Eu já fui de férias sozinha, mais do que uma vez, e adorei sempre :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade...liberdade. Haja a coragem para aproveitá-la.
      Beijinho

      Eliminar
  2. Eu não sou nada dessas aventuras de me meter sozinha em sítios estranhos e novos, mas tu já foste viver para outro país, sozinha! Vai ser canja!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Canja não digo, mas parece-me ser uma experiência mesmo interessante. E muito tentadora :)!

      Eliminar
  3. Eu adorava ir viajar sozinha, mas tenho mesmo medo, receio...
    Acho que para isso nem podia sair de Portugal... =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, se não te conseguires abstrair do medo e não for para desfrutar mais vale guardar o dinheiro para experiências mais interessantes :)!

      Eliminar
  4. Avança! A primeira vez que marquei férias sozinha estava com um bocado de medo de apanhar uma seca, mas a vontade de aproveitar a oportunidade que tinha de passear e conhecer mais uns países foi mais forte. Entretanto já viajei sozinha na Bulgária, na Polónia, na Eslovénia, na Croácia, na Argentina, na Espanha... enfim, já perco a conta à lista, e posso dizer-te que apesar de ser óptimo viajar com companhia, também é óptimo ter a oportunidade de fazer uma viagem sozinha. Faz bem à alma, e para além disso conheces o dobro das coisas, é impressionante! Não hesites :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a arranjar coragem, porque tenho mesmo muita curiosidade em me meter numa experiência do género. Obrigada pela força :)!

      Eliminar
  5. Só custa é começar, depois vais ver que não queres outra coisa (vá, mais ou menos, mas ganhas bagagem que te serve para outras viagens)! Eu sou a pessoa mais mariquinhas do mundo e, no entanto, já estive três vezes na Ásia, duas vezes na América do Sul sozinha. Depois disso as viagens na Europa parecem peanuts! Conheces pessoas, fazes o que quiseres e segues o teu próprio ritmo. Entre viajar sozinha e não viajar, já não tenho dúvidas nenhumas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uau, isso é de valor! Parabéns pela coragem :)!

      Eliminar
  6. Várias vezes pensei em ir de férias sozinha, não viajar porque isso já o fiz, mas ir de férias sem companhia. Acho que é uma aventura e talvez este ano seja também o ano em que vou de férias sozinha.

    ResponderEliminar
  7. Gostava de ter coragem para fazer uma viagem sozinha.


    Ms. Telita | Telita LifeStyleFacebookinstagramTwitterbloglovin'

    • novo grupo para divulgação de blogs: blogs Lifestyle Portugal

    ResponderEliminar
  8. miuda go!!! A mim perguntam-me porque vou sózinha e eu digo que vou porque quero...nem sempre é fácil coordenar as obrigações com a agenda de outras pessoas....a primeira vez que o fiz foi para fazer o caminho de Santiago :) outra vez viajei sózinha em Moçambique... desde ai não hesito ... adoro estar comigo...go go girl... vais adorar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leio comentários como este e juro que fico mesmo cheia de vontade :)! obrigada pela força! Beijinho

      Eliminar
  9. Quem foi para casa de desconhecidos num país que não era o seu, está mesmo à espera do quê? Bora, Gelatina! Aproveitar para descansar, descobrir sítios novos e desfrutar de tudo sem depender de ninguém.
    Aguardo um post mais feliz e com destino marcado! ;)

    Conterrânea M.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela força e pelo carinho, querida conterrânea! por enquanto continuo só mesmo a procurar a coragem :)!

      Eliminar
  10. Tenho tanta pena que as coisas estejam assim mas pareces-me uma miuda tão forte. Faz o melhor para ti, sempre!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, de coração. Tudo se vai resolver, vai ficar tudo bem, sinto que já estive mais longe :).

      Eliminar
  11. Eu não seria capaz mas força nisso (e em tudo ) beijinho

    ResponderEliminar
  12. Se queres vir a Genk, ofereço estadia e explico como podes ir até Bruges, Gante, Leuven, Liège, Mechelen ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, nem sei como agradecer um comentário destes. Mil obrigadas, de coração! Beijo grande pessoa mais querida :)

      Eliminar