terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Privilégios da minha vida


Um dos "bens" mais preciosos com que a vida me tem abençoado é o facto de ainda ter os meus dois avós paternos vivos, com saúde (apesar de com certas limitações, como seria de esperar na idade eles) e independentes.
O meu avô fez 90 anos este ano, tem uma destreza mental de fazer inveja a um jovem, e ainda trata da sua horta e dos seus animais. A minha avó tem menos uns 5 anos e ainda faz grandes caminhadas e cozinha para a família (marido, filho e nora) 6 vezes por semana. Complementam-se na perfeição (até na velhice, já que um tem conservado melhor as faculdades mentais e outro as motoras), estão juntos há mais de 60 anos, e são um exemplo enquanto casal. E tê-los ainda aos dois, juntos e no estado em que estão, é um dos maiores privilégios da minha vida, e pelo qual me sinto grata tantas e tantas vezes. Privilégio meu, dos meus irmãos, e do meu pai que, filho único, já fez 60 anos e ainda tem os dois pais vivos e com qualidade de vida. 
Tenho muita coisa boa na minha vida, mas (ainda) ter os meus avozinhos vivos, juntos e com saúde é assim uma espécie de lotaria.



[Sei bem que isto não vai durar para sempre - e todas as vezes que recebo telefonemas dos meus pais em horários menos habituais fico sempre, mas mesmo sempre com medo de ser desta que vou receber "a" notícia - mas aconteça o que acontecer, foi - tem sido - uma bênção pela qual vou agradecer até ao fim dos meus dias]

9 comentários:

  1. Que bela benção :)
    Eu perdi os dois avôs, tenho apenas as avós. Sempre que recebo telefonema dos pais fico assim como tu, ou quando o telefone de casa toca muito cedo ou de madrugada :(

    ResponderEliminar
  2. Realmente é um facto pelo que deves estar grata. Nem toda a gente pode dizer o mesmo. Eu só tenho uma avó viva e muito bem a nível físico, mental e de saúde. Vê-la com 81 anos e aquela genica toda faz-me acreditar que ainda há de durar uns quantos anos, o que é uma bênção mesmo.

    ResponderEliminar
  3. Tenho os 4 avós vivos felizmente! Não tão bem de saúde como eu desejaria mas estão cá e se Deus quiser, continuarão muito tempo!

    ResponderEliminar
  4. eu só tenho as minhas avós vivas, e infelizmente este fim de semana que passou assisti à minha avó a ter um avc, felizmente está melhor mas ando sempre de coração nas mãos :(

    ResponderEliminar
  5. Li e fez-me chorar.
    Pela situação que estou a passar... Não é fácil.

    Mas aproveita bem os teus avós, aproveita muito! =)
    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um beijo grande e um abracinho para ti, minha querida.

      Eliminar
  6. É, sem dúvida, um privilégio. Dão amor incondicional toda a vida mesmo através dos mais pequenos gestos. Os avós mimam-nos de uma forma inigualável. :)

    ResponderEliminar